quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Curso EAD.UnB

O caminho percorrido durante a execução do Curso foi de descobertas, reflexões, troca de saberes e nos deparamos logo início, com ricas e belas surpresas nessa trajetória desenhada pelos elaboradores do Curso. Eu tive uma vez mais, que aprender a lidar com o áudio e me apresentar aos demais colegas professores. Desafio vencido por meio da valiosa troca de experiências, com as visões singulares de cada um que foi colorindo e tornando mais bela à estrada rumo ao sucesso.
Aprendi ao longo da caminhada de vida, a administrar meu tempo, de modo a não deixar tarefas pendentes. Sempre cuido de cumprir as atividades com antecedência, para não realizar nada de improviso, ou sem tempo para revisão, ou, até mesmo para uma leitura atenta, para a reflexão aprofundada acerca de cada tema proposto.  Vencidos os desafios do tempo e da familiaridade com a mídia oral, senti-me cada dia mais segura e muito animada. Fiz cada atividade proposta com maior prazer e empenho. Afinal, estava aprendendo e interagindo com os colegas professores, e estou convicta de que consegui alcançar os objetivos que foram propostos nos objetivos propostos pelos elaboradores do curso. Atuei como aluna atenta, dinâmica, criativa, responsável e interagi com cordialidade com a tutora e os colegas. E a recíproca aconteceu, felizmente.
Quanto a mim, autodeclaro, amiga das palavras, e procuro repousar com elas todas as noites, degustando um bom bocado todas as manhãs, a fim de  sentir-me saciada até o encontro noturno.
Ao lançar o olhar para as questões pertinentes ao sucesso do curso, em seu objetivo, que é chegar ao aluno e transformar os rumos da educação, destacando a autonomia de seus agentes nesse processo, nesse caso, os tutores em formação, compreendo que os objetivos foram alcançados. Durante o curso sempre houve situação para a pesquisa, a discussão e a produção de texto escrito e oral. As atividades pensadas para serem realizadas individual e coletivamente. Os comandos claros, precisos, bem elaborados, bem redigidos. Estou feliz por aprender tanto em tão pouco tempo e descobrir que ler e escrever é prazeroso quando as atividades são bem elaboradas. Teoria na Educação só faz sentido se puder ser colocada em prática. Se fizer a diferença na vida do homem. Essa é a Educação que me interessa. É ela que busco. O Curso está se concretizando, com sucesso, porque conta com uma equipe integrada e que partilha dos mesmos propósitos.

Meu agradecimento à tutora Raquel  que exerceu sua função com seriedade e ética. E o que mais importante: incentivou e valorizou o  trabalho do professor-tutor. A cada feedback se apresentou para nós, instigando novas dúvidas. Isso é fundamental para o sucesso da aquisição da aprendizagem. O aluno que pensa que já aprendeu tudo, ou que deseja respostas prontas, não se prepara para a grande surpresa da vida. Não tem o olhar atento para estar à procura de novas perguntas...


Rosa Maria

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

LIMPE OS SEUS RINS!


LIMPE OS SEUS RINS!

Os anos passam e os nossos rins filtram o sangue, remove o sal, veneno e qualquer indesejado que entra no nosso corpo. Com o tempo, o sal acumula e isso precisa se submeter a tratamentos de limpeza. Como é que vamos libertar-nos disso?

É muito fácil, primeiro lavar um ramo de salsa, limpar, depois cortá-la em pedaços pequenos e colocá-lo numa panela, despeje água limpa e ferva por dez minutos e deixe arrefecer, filtre e despeje numa garrafa limpa, mantê-lo dentro da geladeira para esfriar.

Beber um copo por dia e vai notar que todo o sal e outro veneno acumulado vão sair dos seus rins, por micção, também vai notar a diferença que nunca sentiu antes.

Salsa é conhecida como a melhor limpeza de tratamento para os rins e é natural.

Nossa dica de hoje foi compartilhada por Valério Biazi, página da FisioQuantum.
— com Valério Biazi.

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Lições de vida!

Quem planta, colhe.
Quem semeia vento colhe tempestade.
Que planta amor, colhe amor.
Difícil lição que somente o tempo ensina.
Rosa Maria Olimpio

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

O DESAFIO DE UMA INTERAÇÃO DE QUALIDADE NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA




Cadernos da Pedagogia Ano 02 Volume 02 Número 04 agosto/dezembro 2008 112

O DESAFIO DE UMA INTERAÇÃO DE QUALIDADE NA EDUCAÇÃO
A DISTÂNCIA: O TUTOR E SUA IMPORTÂNCIA NESSE PROCESSO
Daniel MILL

Denise ABREU-E-LIMA

Valéria Sperduti LIMA

Regina Maria Simões Puccinelli TANCREDI

Resumo

Este artigo tem como objetivo discutir a importância do sistema de tutoria virtual no processo
de ensinoaprendizagem da educação a distância (EaD), buscando refletir sobre as condições de trabalho do docentetutor e compreender as características e especificidades do seu trabalho. Esse trabalhador docentetutor surge como uma nova e importante figura profissional da educação, mas ainda há muito a ser compreendido a seu respeito. Em um contexto de plena expansão da EaD, com a oferta de vagas em nível superior pelo programa Universidade Aberta do Brasil (UAB), é necessário compreender melhor o trabalho docente. Questões como uso dos tempos e espaços de trabalho do tutor, dificuldades e desafios advindos da prática do tutor, competências e saberes necessários para desenvolver seu trabalho, tecnologias mediadoras das atividades e propostas de interação entre tutor-aluno, tutor-professor, são discutidas e apresentadas no texto.


Dicas que foram dadas por tutores virtuais participantes da pesquisa e foram sistematizadas pelo autor para apresentação didática ao leitor. O travessão (—) indica a separação entre as dicas de tutores diferentes.  Cadernos da Pedagogia Ano 02 Volume 02 Número 04 agosto/dezembro 2008


Convencer-se: antes de qualquer coisa, é extremamente importante verificar se é exatamente esse tipo de trabalho que você deseja e saiba que a grande dedicação precisa ser contínua no processo.

Organizar-se: a EaD demanda muita organização pessoal, do tempo e do trabalho a ser executado. É importante ter muita disciplina,organização e responsabilidade, inclusive para respeitar aos seus próprios tempos e espaços de trabalho e descanso. A disciplina, o planejamento e a execução do trabalho são processos obrigatórios para você vencer as intenções pedagógicas propostas.

Disciplinar-se: Ritmo e periodicidade são as chaves para não acumular trabalho. Não adie suas tarefas, divulgue seus horários de trabalho e acesse o curso regularmente (uma vez por dia, se possível) — isso vai fazer a diferença, pois, embora estranho, assim trabalhará menos: não acumulará nada e seus alunos serão bem atendidos...

Expressar-se: Clareza na exposição de idéias é imprescindível. Busque melhorar a
redação (correção gramatical, ortográfica, estrutura do texto etc.; revisite a gramática e livros de redação) e aprenda a ter objetividade nas suas explicações e/ou orientações.

Compartilhar-se: Tenha paciência com alunos e colegas e cultive o movimento de empatia (para entender o outro) e simpatia também. A sinergia e a inteligência coletiva são pontos chave: a partilha do conhecimento, o trabalho em equipe e a pesquisa são condutas necessárias para alcançar bons resultados.


Dedicar-se: Aperfeiçoamento profissional constante e disponibilidade. Para além de teorias, repense sua formação didáticopedagógica... O aluno do curso à distância parece ser mais carente, precisa de muita atenção. Dedicação e rapidez nas respostas ao aluno evita evasão.

Responsabilizar-se: Não confundir EaD com trabalho fácil, pois não é: o trabalho na EaD demanda muito tempo e, por isso, organização e planejamento são importantes. Também importante é o despir se do preconceito de que EaD não funciona... qualidade e seriedade precisam estar sempre em alta.

Cuidar-se: Preparem os olhos, as mãos, pulsos e dedos, a coluna, o espírito da esposa/marido e as alterações de humor. Reservar um tempo para o lazer, não deixar que o trabalho tome todo seu tempo.

Desafiar-se: Aceitem o desafio! Trabalhem com dedicação e empenho. Façam tudo que for possível para que os alunos não desistam do curso nas primeiras duas semanas. Se conseguir mantê-los ativos nas duas primeiras semanas, a probabilidade deste aluno concluir o curso com êxito é muito maior. Captar o espírito da coisa é o mais desafiador, o resto acontece!

 Buscar desenvolver a criatividade. EaD requer criatividade no processo de tutoria.

*** Trecho retirado do artigo postado na Biblioteca do Curso da UAB

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

O papel do feedback no processo de aprendizagem on-line






“Ninguém educa ninguém. Ninguém se educa sozinho. Nós nos educamos em comunhão” Paulo Freire.

Um dos aspectos mais fascinantes da era das redes é o papel da interação entre alunos, professores e tutores na construção do conhecimento. Mediante o uso dos feedbacks que podem ser considerados como agente cognitivo humano, os alunos se veem confrontados com uma situação profundamente desafiadora: o recurso livre e criativo capaz de liberar energias para o cultivo de uma memória vivencial autônoma e personalizada, que possibilita o conhecimento, o aprofundamento do conhecimento, a troca de  saberes.Por outra parte, os que forem pouco criativos ou preguiçosos, ou ainda, estiverem apenas em busca de um certificado, correm o risco de absorver passivamente nada mais que fragmentos dispersos de um universo informativo no qual há de tudo. Daí o desafiante papel do tutor ao  fazer a interação subsistir à preguiça, ao cansaço, à escassez de tempo.
A EAD funciona como possibilidade de estabelecimento de conhecimento cognitivo interativo  pelo fato de ter característica hipertextual e pela interferência possível do conhecimento que outras pessoas construíram ou estão construindo. Com isso, o aluno pode assumir o papel de verdadeiro gestor dos seus processos de aprendizagem.

Conscientes de nossa atitude positiva ou negativa diante das atitudes, das elaborações das atividades, das dúvidas e das ausências, precisamos, como agentes de transformação,  superar uma concepção demasiado técnica da interação entre seres humanos e ambientes cognitivos artificiais.
Importante compreender que, embora preservando uma série de aspectos típicos das linguagens acadêmicas, a interação tutor- aluno deve adquirir versatilidade e disponibilidade cooperativa, interfaces de parceria entre o homem e a técnica.
 A construção do conhecimento, ainda que a distância, não pode ser unilateral, de seres humanos isolados, mas de uma vasta cooperação cognitiva compartilhada da qual participam alunos (seres humanos) e sistemas cognitivos artificiais. Isso implica
responsabilidade, criatividade, bom senso do tutor ao dialogar com o aluno nos momentos de interação por meio dos feedbacks.
É possível ser sincero, ser leal, ter firmeza, autoridade, sem magoar, depreciar, inibir, desencorajar o aluno.
Ao buscar saber os porquês das ausências, das tarefas mal realizadas, ou mesmo as postagens realizadas sempre às pressas, de última hora, o tutor demonstra real interesse pela pessoa, pelo aluno. Com isso é possível adquirir a confiança e o respeito necessários para motivá-lo a aprender.

Rosa Maria Olimpio

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Palavras, vento, tempestade.


Interação e Interatividade em EAD.

Caro leitor,


Leitura e síntese do Texto: Interação e Interatividade em EAD.
Trabalho realizado em Curso de Formação de tutores pela UnB, em 5/2/2013.
Supervisora:   Raquel Soares de Santana

Uma das atividades do Curso de Atualização em EAD era a criação de um blog.
Como já havia criado o ”rosa da serra” em 2009, entendi que seria interessante  alimentá-lo com as postagens sugeridas por nossa tutora.
A apresentação em POWER POINT, realizado a quatro mãos, só foi possível pelo nosso diálogo no GoogleDocs.
Há como acompanhar no GoogleDocs quais foram as modificações e quem as fez. É possível, sim, basta que estejamos adicionados ao grupo. A sequência é a seguinte:
Abrimos o GoogleDocs. Entramos na apresentação do nosso grupo. Na barra de ferramentas, clicamos em "File". No menu que abriu, clicamos em "see revision history".
O programa  abriu uma barra lateral à direita. Nessa barra vimos quem fez modificações, quando fez e em que slide (o slide vai estar destacada na cor do participante). Para saber qual foi a modificação foi realizada clicamos em "Show more detailed revisions".
Assim, fomos construindo o texto. Antes de fechá-lo entramos no chat e dialogamos acerca das alterações necessárias e concluímos o trabalho.
O arquivo precisa estar em pdf ou ppt versão 97-2003 para que todos consigam abrir.
1. Apresentação Power Point  





quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Tecnologia e EAD: derrubando muros e criando pontes.


                         Tecnologia e EAD:  derrubando muros e criando pontes.


O pulo do gato da EaD é não transformar o conteúdo online em "planilha eletrônica", e sim, usar ferramentas que não poderiam ser usadas com papel, ou que podem ser muito facilitadas pelo meio digital.
Para o bom andamento do Curso necessitamos de avaliação semanal do andamento do curso. Avaliar os alunos, e eles avaliarem o  conteúdo.
Hangout noGoogle+  é interessante como complemento à matérias como matemática, física, química, biologia, inglês, português, enfim praticamente todas.
Vejo com bons olhos pois,  é possível contornar os problemas geográficos e enriquecer as etapas de ensino.
A linguagem digital está aí, sem volta. Nós estamos usando esse recurso neste momento. Se uma pessoa frequentar blogs mequetrefes, nada terá de enriquecedor. Sentar numa sala e bater papo com amigos é gostoso e tem suas características. Por outro lado, aqui, temos a oportunidade de conversar com pessoas que estão distantes geograficamente, com vivências diferentes. Podemos sentar, ler e escrever, pausar para fazer outra atividade, portanto, apresenta outras peculiaridades, melhores ou piores, enfim...DIFERENTES do contato pessoal, interessantes e enriquecedoras.
Necessário se faz  iniciar com o preparo dos professores para não correr o risco de "queimar" uma oportunidade que pode ser interessante. Nós professores temos muito a aprender com essa ferramenta.


O uso do Hangout no Google+ 

Organizar Hangouts no Google+ pode ser uma ótima forma para se conectar em tempo real com os alunos. É uma tarefa relativamente simples, mas existem algumas dicas e truques para aproveitar ao máximo o nosso tempo e o tempo dos participantes.

Como funciona? 
1.Transmitir ao vivo e publicamente. Antes de começarmos um hangout, é só marcar a opção “ativar Hangouts OnAir”. Depois, já dentro do hangout, quando estivermos  prontos, apertamos o botão "iniciar transmissão" e o hangout passará a ser transmitido ao vivo para o mundo inteiro – pelo nosso perfil do Google+ e o canal do YouTube. Além disso, podemos colocar esse vídeo ao vivo do YouTubeem no  site ou blog, da mesma forma que colocamos qualquer outro vídeo doYouTube (mesmo este sendo ao vivo).
2. Audiência. Durante a transmissão é possível ver exatamente quantas pessoas estão assistindo ao vivo. É importante descobrir as melhores formas de usar a funcionalidades do Hangout para garantir que experiência seja divertida e produtiva para todos os envolvidos.

 Como Gravar e compartilhar.

 Quando a transmissão terminar, o YouTube faz um upload automático da gravação do Hangout On Air para o canal do YouTube e coloca esse vídeo no  post original do Google+. Desse jeito fica fácil compartilhar e comentar o hangout com quem perdeu a transmissão ao vivo.
Elaboramos algumas dicas para que você se aventure nesta ótima ferramenta criada pelo Google.
1. Pensar em um título que deixa bem claro para os alunos sobre o assunto do Hangout.
2. Certificar-se que os alunos estão a par de todos os requisitos de sistema necessários e que todos possuem conexão à Internet com largura de banda adequada para vídeo conferências.
3. Monitorar os comentários, observe o que eles estão fazendo para que ninguém fique para trás ou perdido no conteúdo.
4. Se é a primeira vez, fazer um ensaio antes da sessão real para obter alguma prática, aprender o formato e verificar eventuais problemas práticos com relação a tecnologia que podem acontecer.
Interação! Fazer com que os alunos se sintam integrantes do processo. O ideal é que todos falem entre si.
Utilizar as funcionalidades integradas. O Hangouts do Google+ permite o compartilhamento de documentos, imagens e sons. O trabalho pode ser feito de formar colaborativa.
Questionar os alunos. Perguntar a eles que tipo de método pode ser mais interessante para construir o curso on-line. Podem surgir grandes ideias para melhorar a experiência de todos.
 Preparar, preparar e preparar. Pode parecer informal, mas  devemos  nos preparar como faríamos em qualquer outra experiência educacional.
Iniciar a sessão Hangout mais cedo, para que todos tenham tempo de instalar os recursos necessários. Dizer aos alunos que a sessão está prestes a começar e orientar caso necessário
Incentivar os participantes para ativar a opção de silenciar os microfones quando eles não estão conversando. Isso reduz o ruído de fundo e torna mais fácil para todo mundo ouvir quem está falando no momento, sem interrupções.
Divirta-se! Mesmo sendo uma aula, deixar os alunos demonstrarem que estão se divertindo com o assunto. Isso vai melhorar o humor da turma e aproximar mais os participantes.
Quando finalizar o Hangout, procurar seguir os alunos para ver se eles não ficaram com alguma dúvida, assim você poderá continuar interagindo e obter um feedback para ajudá-lo da próxima vez.
Não tenhamos vergonha! Aprendamos com a experiência Façamos o nosso melhor e utilizemos as tecnologias para compartilhar conhecimento.