domingo, 2 de dezembro de 2012

De repente, a paz...


Um comentário:

Will disse...

Fabuloso, pude imaginar as cores tomando forma no brilho dos olhos...

Riobaldo estava certo: "... o mais importante e bonito, do mundo, é isto: que as pessoas não estão sempre iguais, ainda não foram terminadas – mas que elas vão sempre mudando. Afinam ou desafinam. Verdade maior, É o que a vida me ensinou."

Postar um comentário

Faça seu comentário abaixo: