domingo, 4 de abril de 2010

Avaliação do Gestar em MG

Querida Rosa,
Desculpe o atraso, mas estou fechando os diários e documentações do Curso Normal Superior e do Curso de administração. O MEC fará o recredenciamento do Normal e o credenciamento da Administração (você não poderia vir nos avaliar? Nossa cidade é lindinha, tem muitas lojas e você vai se encantar com anossa faculdade. Ela é pequena, mas com um corpo docente e discente fantástico! . Daí você imagina como estamos de trabalho na faculdade. Vamos ao que é bom: A formatura do Gestar foi "especial" com direito a retrospectiva.Nós projetando no telão os momentos especiais das aulas presenciais, da evolução dos projetos em cada escola , do perfil de cada cursista. Entregamos os diplomas e presentes e choramos de alegria, de saudades do grupo . Mais parecia uma colação de grau!
Agradeço-lhe pelas orientações dadas e sinto muito por você não ter estado conosco desde o 1º encontro.Acredito que os resultados teriam sido mais uniformes e surpreendentes.Voçê trouxe-nos a serenidade de saber que ainda há pessoas sérias no serviço público e, reforçou em mim, aquilo que tenho observado neste anos como coordenadora de curso no ensino superior : não bastam os títulos, tem que haver comprometimento, envolvimento nas relações interpessoais, organização, acompanhamento, reavaliação das etapas.
Mais uma vez, obrigada por tudo.Vamos à avaliação:

Prezado Dioney,

Acredito ser dispensável mais elogios ao GESTAII, pois é fato consumado a qualidade do material e do programa.Em se tratando de um curso com carga horária tão extensa, é indispensável que haja mudanças em algumas áreas que não funcionaram como era previsto: espaço inadequado(área das salas de aula),às vezes,nem havia sala disponível, vagávamos de andar a andar à procura de espaço apropriado (são oito andares!).O som e o datashow nem sempre disponível ou funcionando, nunca houve nº adequado de carteiras em sala de aula, sempre alguém ficava desacomodado.O café (puro) somente foi servido em novembro.As orientações não chegavam. Você encaminhava relatórios , planilhas( eu preferi trabalhar com planilhas) e não sabia se estavam adequadas ou não.O custo alto para se deslocar e dar o curso(moro em Nepomuceno e fui formadora em Lavras - 80 Km), montar o portfólio, impressão, revelação dos filmes etc, etc... alto demais para ser custeado pela formadora enquanto que as bolsas deveriam ser liberadas concomitantemente com as etapas de realização do programa em cada município.Em nossa turma, as trocas de professoras prejudicaram por demais o desempenho das cursistas.Somente caminhou bem quem já possui experiência, empreendedorismo, interesse. Rosa Maria salvou o leite derramado nesta etapa final ao responder e-mail, entrar nos blogs, dar opinião, ser receptiva, resgatando o que havia se perdido lá atrás.
Sugiro que os próximos encontros sejam em cidades menores, onde todos se conhecem, tudo é resolvido no momento.Como localizar o representante da UNDIME? ninguém o localizava nos momentos difíceis. O prédio disponibilizado não foi adequado, ou talvez tenha faltado um check in para conferir se estava tudo como devia antes de acontecer cada encontro.
As bolsas que são sempre adiadas e não há informação segura com datas de pagamento, se virá cartão ou não será necessário. Asseguro -lhe que se esta capacitação estivesse acontecido no interior,a história seria outra.
Na verdade, Dioney , estas críticas não passam de um diagnóstico que precisa ser considerado. Em Lavras continuarei o GESTARII em 2010 .Estou criando um projeto similar ao Gestar para as disciplinas de História e Geografia. Encaminharei à Rosa Maria para uma avaliação antes de implantá-lo.Embora ela não vá se encontrar novamente comigo, sei que me orientará, pois se apaixonou pelo Gestar, mas como não se apaixonar?
Desejo-lhe muita luz e tranquilidade para continuar mantendo este programa vivo, pois ele é a solução que todos os professores de Português buscavam ao mediar a comunicação oral e a escrita em sala de aula, com sucesso.
Atenciosamente,
Darcy Piva Dessimoni
Lavras/MG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça seu comentário abaixo: