sábado, 19 de setembro de 2009

Consumismo e dores humanas.;

O consumismo é que tem determinado as ações do homem na atualidade.
Os valores são tecidos em função do TER.
Ter os objetos de desejo determinados pela grife e não pela funcionalidade.
Ter o corpo esculturado, tal obra de talentoso artesão, que nesse caso é o cirurgião plástico.
A busca por esses “bens” faz com que o homem ignore os valores éticos e perca, a cada dia, o sentimento de pertencimento à sua cultura e à sua família.
Uma sociedade de pessoas infelizes, stressadas e sem norte é que se desenha atualmente.
Muitas dores são tecidas pelas tramas do consumismo.
Mas onde está a felicidade? Buscá-la entre os equívocos da vaidade é caminhar para o vazio de nós mesmos. Ser feliz pode ser opção inteligente se acordarmos para os valores essenciais da existência humana.

Rosa Maria Olimpio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça seu comentário abaixo: