sexta-feira, 12 de junho de 2009

Leituras e leitores

Meus queridos,

Postei a entrevista com Fernando Kinas porque ele fala dos recursos e dos incentivos financeiros à cultura em nosso país. Ele cita como exemplo um projeto bem elaborado e bem executado por um grupo de intelectuais da capital paulista. As edições: Toró. Meu filho Sílvio Diogo faz parte desse projeto. Trabalha na editoração, arte gráfica, ilustrações, manuscritos,e tem dois livros publicados. Respingos e Clamores e Desenho do chão. É realmente desalentador o quadro que se apresenta em relação à cultura em nosso país. Infelizmente, nosso jovem não lê. E quando o faz escolhe banalidades e textos apelativos. O que é pior, leem na internet textos de auto-ajuda cuja autoria é atribuída à Neruda, Carlos Drummond... e os publicam nas páginas do orkut e em outras situações de comunicação e se acham cultos por lerem e gostarem de tais autores, dos quais na verdade, jamais leram sequer uma palavra.
É por aí que vai se instalando na alma das pessoas a era do vazio emocional, afetivo, cultural... Porque sem leitura o homem acaba por viver excluído de um universo fantástico que só a palavra bem dita é capaz de proporcionar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça seu comentário abaixo: